Inicial - Notícias - Lei de incentivo à doação de órgãos, de autoria do deputado Nereu Moura, ajuda Paraná a bater recorde no número de transplantes.

Lei de incentivo à doação de órgãos, de autoria do deputado Nereu Moura, ajuda Paraná a bater recorde no número de transplantes.

O número de transplantes realizados no Paraná bateu recorde. Em 2016, foram 718 procedimentos. No ano anterior, 541 – um aumento de 33%.  São cerca de dois transplantes de órgãos por dia no Estado. Os dados são da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO).

A Lei Estadual 18.803, de autoria do deputado estadual Nereu Moura, líder do PMDB na Assembleia Legislativa, contribuiu para o resultado expressivo. Em vigor desde o ano passado, a  legislação  prevê a realização de campanhas de incentivo à doação de órgãos e tecidos no “Setembro Vermelho”.  As ações devem ser promovidas pelo Poder Público, em cooperação com iniciativa privada e entidades civis.

Em seis anos,  entre 2010 e 2016, foram realizados no Paraná 3.031 transplantes entre coração, fígado, rins e pâncreas. O maior avanço  foi verificado nos procedimentos de transplante de pâncreas, que passaram de cinco, em 2010, para 44 em 2016 – alta de 780%.

“A intenção é chamar a atenção da população e ampliar o número de doações e transplantes “, enfatiza o parlamentar.